segunda-feira, 16 de abril de 2018

MPE realiza curso de E-social




A consultora Manuela Godoy ministra na MPE treinamento & Consultoria, nesta segunda-feira (16) e quinta-feira(18), das 18h às 22h, o curso de E-social . Com carga horário de 08 horas, o curso é direcionado a profissionais e estudantes de administração, Recursos Humanos (RH), e Departamento Pessoal (DP), ou interessados na temática que visa compreender a finalidade, os objetivos e a forma de envio do eSocial. 


Instituído pelo Decreto 8.373/14 que em seu Art.2, o e-social é o instrumento de unificação da prestação das informações referentes à escrituração das obrigações fiscais, previdenciárias e trabalhistas e tem por finalidade padronizar sua transmissão, validação, armazenamento e distribuição. Essa prestação de contas se dá por etapas e tem inicio através da escrituração digital, contendo informações fiscais, previdenciárias e trabalhistas; da aplicação para preenchimento, geração, transmissão, recepção, validação e distribuição da escrituração e do repositório nacional, contendo o armazenamento da escrituração. Essa escrituração digital dar-se-á através de 40 (quarenta) tipos de arquivos diferentes (layout`s), com informações muito detalhadas sobre as relações trabalhistas. Portanto, todos os sistemas de gestão de pessoas do Brasil serão alterados/adequados para atender as especificações do eSocial. 



O objetivo do curso é compreender a finalidade, os objetivos e a forma de envio ao eSocial, conhecer os prazos divulgados pelo governo para inicio do envio e a manutenção posterior. De acordo com Manuela Godoy, os alunos aprenderão a identificar a partir dos leiautes as informações do empregador e das tabelas que serão enviadas além, das informações dos trabalhadores (com e sem vinculo), exigidas nos leiautes conforme a classificação: carga inicial, não- periódicos e periódicos. 

Com 8 horas aula, o curso custa R$ 180,00 e inclui material didático e certificado. Para reservas e mais informações através do nosso site www.mpetc.com ou solicitado pelo e-mail mpetc@mpetc.com . 

SERVIÇO 

MPE –Consultoria & Treinamento 

Rua Dom Carlos Coelho, 64, Boa Vista. 

Informações: (81) 3423.2729/ 9 9661.0423/ 9 8491.4473 

mpetc@mpetc.comc 

quinta-feira, 12 de abril de 2018

Capacitação em São Paulo

Dr. Walter França/ Foto Adriana Ximenes



O cirurgião bariátrico Walter França aporta em São Paulo nesta segunda-feira, 16 de abril, para participar do J&J Bariátrica Brasil 2018. O encontro reúne cirurgiões bariátricos de todo o país para troca de experiências e atualização sobre a área.


terça-feira, 10 de abril de 2018

Quer lucrar com um negócio na internet?

DE OLHO NA REDE

Naia Veneranda e Ivone Rocha vão ministrar no Recife curso que ensina a montar projetos digitais em várias plataformas/Foto divulgação


Depois de passar por São Paulo, o Recife é a primeira capital do Nordeste a receber no dia 26 de maio, no Mar Hotel, em Boa Viagem, o curso Como montar seu projeto digital, que vai oferecer estratégias para o desenvolvimento de um projeto digital seja ele em site, blog, loja virtual, página em rede social ou outro recurso a ser disponibilizado na web. Além disso, os participantes também irão aprender a trabalhar o conteúdo nesses projetos e a explorar melhor seu talento, transformando as próprias ideias em negócio lucrativo na internet. As aulas do curso serão ministradas por duas profissionais da área digital, a consultora de negócios digitais Ivone Rocha e a jornalista Naia Veneranda, especialista em comunicação empresarial. As inscrições para o curso já estão abertas e podem ser feitas pelo link https://goo.gl/NTqFMm

Em São Paulo, curso tem atraído profissionais de várias áreas/ Foto divulgação

Qual a importância do conteúdo nos projetos digitais? Os sites de redes sociais podem substituir um website, um blog ou um aplicativo? Como ter um negócio que integre esses canais? Esses e outros assuntos serão discutidos na metodologia do curso que engloba uma parte conceitual: sobre o que é, para que existe e como fazer um projeto digital e, ainda, um segundo bloco com oficinas práticas, na qual os participantes irão criar esboço de um projeto digital, que poderá ser desenvolvido individualmente, em dupla ou em grupos "É uma maneira de colocar em prática o aprendizado. Ao final, teremos uma apresentação geral de todos os projetos, onde discutiremos cada um deles com as devidas considerações", explica a consultora de negócios digitais Ivone Rocha.

De acordo com a jornalista e tradutora Naia Veneranda, que é pós-graduada nas áreas de gestão digital e letras, um bom projeto deve ser administrado como um sistema, que vai dar origem a um produto específico, dentro de um prazo estabelecido. E para que este projeto funcione como esperado deve ser entendido dentro de sua própria dinâmica. "Isso exige consenso, coordenação, divisão de responsabilidades e apoio de patrocinadores, parceiros e de público geral. Precisamos ter muita atenção em três fases: a de antes, durante e depois do desenvolvimento do projeto", ressalta a especialista, acrescentando que no caso de projetos digitais existe ainda a necessidade de se colocar tudo numa linguagem adequada à internet, outra etapa que deve ser considerada e que o curso contempla.

O curso é realizado pela empresa Venê Comunica, uma agencia de São Paulo com foco produção de conteúdo voltada para sites, blogs e outras plataformas de comunicação digital, cujo objetivo principal é ajudar empresas, empreendedores e profissionais a se comunicarem melhor com seu público-alvo. As inscrições para o curso no Recife podem ser realizadas com descontos até o dia 30 de abril pelo valor de R$ 420,00. No período de 1 a 11 de maio, o valor cobrado será de R$ 450,00. E quem deixar para se inscrever após o dia 12 de maio terá que pagar o valor integral sem desconto que é de R$ 490,00. Todos os valores poderão ser divididos em até 6 vezes sem juros no cartão de crédito. 

SERVIÇO:
CURSO: Como montar seu projeto digital?
QUANDO: dia 26 de maio, das 8h às 17h
LOCAL: Mar Hotel Recife | Rua Barão de Souza Leão, 451 - Boa Viagem 
INSCRIÇÕES: https://goo.gl/NTqFMm
INFORMAÇÕES: (81) 3302-4444

Meu Querido Catavento inicia temporada gratuita a partir desta terça-feira(10)

Foto: Karen Lima



Começam nesta terça-feira (10) as apresentações gratuitas da temporada do espetáculo infantil Meu Querido Catavento, promovidas pelo Coletivo Trippé, em Petrolina (PE). Serão realizadas duas sessões, às 9h e 15h, no Cine-teatro do CEU das Águas, localizado no Bairro Rio Corrente. A ideia é estimular a criatividade infantil e a formação de plateia para dança na cidade. As apresentações são gratuitas e seguem até a próxima sexta-feira (13).

Ainda serão realizadas mais duas sessões nesta quarta-feira(11), no CEU das Águas. Já na quinta-feira (12), será a vez da Associação Cultural do Samba de Véio, na Ilha do Massangano e, na sexta-feira (13), a Associação das Mulheres Rendeiras, no bairro José e Maria. As apresentações serão acompanhadas por um programa de mediação cultural, a plataforma Primeiros Passos, criada pelo coletivo. A mediação envolve conversas com os artistas e distribuição de material gráfico educativo em formato de "livrinho para colorir".

Meu Querido Catavento é um espetáculo de dança-teatro que busca incentivar a imaginação infantil propondo jogos e criações coreográficas a partir de objetos cotidianos. Durante as cenas, são realizadas interações constantes com o público para que as crianças se sintam parte das cenas.

O projeto é uma realização do Coletivo Trippé com produção assinada pela Pipa Produções e apoio financeiro do Governo do Estado de Pernambuco, através do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura (Funcultura-PE), da Secretaria de Cultura de Pernambuco (Secult-PE), e da Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe). Mais informações estão disponíveis no blog: http://coletivotrippe.blogspot.com.br/ e na página do coletivo no Facebook: http://facebook.com/coletivotrippe.

Serviço:

Espetáculo: Meu Querido Catavento – 9h e 15h
10 e 11 de abril – CEU das Águas, no bairro Rio Corrente
12 de abril – Associação Cultural do Samba de Véio, na Ilha do Massangano
13 de abril – Associação das Mulheres Rendeiras, no bairro José e Maria

terça-feira, 13 de março de 2018

Curso ensina como intervir na violência contra a mulher



A violência contra a mulher é um assunto recorrente em todo o mundo e, no Brasil, não é diferente: os índices crescem ano a ano. Em 2017, houve um aumento de 21,1% dos casos em relação a 2016. Doze mulheres foram assassinadas por dia no Brasil e desses crimes 4.473 foram homicídios dolosos e os restantes 946 foram feminicídios, que é um crime onde as mulheres são mortas motivadas pelo ódio e a condição de gênero. Segundo a Secretaria de Defesa Social (SDS), 268 mulheres foram assassinadas em Pernambuco até o dia 23 de novembro de 2017. Com o objetivo de capacitar cidadãos e profissionais da área para lidar com essa triste estatística a MPE Treinamento & Consultoria realiza nesta quarta-feira (14 de março), das 18h às 22h, o Café com Prosa cujo tema é Mulheres vítimas da violência: como Intervir? 

Ministrado pela psicóloga Isabel Laporte, com experiência no atendimento a mulheres vitimas da violência, o curso visa dá base teórico- metodológica e prática das intervenções clínicas para que elas interajam com as intervenções psicossociais. De acordo com a profissional a violência contra a mulher é todo o ato que resulte em morte ou lesão física, sexual ou psicológica tanto na esfera pública quanto na privada. "Esse nosso encontro é de suma importância e vai capacitar os interessados no acolhimento e escuta de mulheres vítimas da violência doméstica, desconstruindo de ideias do comum. Muitas são vítimas e nem se dão conta", ressalta Laporte. 

O curso é voltado para psicólogos, pedagogos, sociólogos, estudantes e profissionais interessados pela área e serão abordados conteúdos importantes como a mudanças históricas no conceito da violência contra a mulher; Lei Maria da Penha e suas implicações; Centros de Referência da Mulher e seu funcionamento: Atuação do psicólogo nos Centros de Referência e o feminino entre a dor e o amor na escuta clínica. Os interessados que se inscreverem até o dia 13 de março pagam R$ 60,00. No dia do evento o valor é R$ 70,00. O investimento inclui material didático e de apoio, coffee break e certificado. Mais informações www. mpetc.com ou mpetc@mpetc.com. 



SERVIÇO 

MPE –Consultoria & Treinamento 

Rua Dom Carlos Coelho, 64, Boa Vista. 

Informações: (81) 3423.2729/ 9 9661.0423/ 9 8491.4473 

mpetc@mpetc.comc 


quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

Como usar a inteligência para inovar na empresa


Edson Xavier - Foto Divulgação
As empresas estão investindo cada vez mais no profissional de Inteligência para melhorar o desempenho de suas equipes de vendas e de marketing, evitar o avanço da concorrência e, ao mesmo tempo, agregar valor ao seu negócio através da inovação.

De acordo com o diretor da MPE Consultoria & Treinamento e especialista em liderança comportamental, Edson Xavier Jr, a aplicabilidade dessa ferramenta não deve se limitar a grandes organizações. Segundo ele, é essencial que cada empresa, seja uma grande corporação ou as pequenas e médias empresas, construam o seu próprio modelo de Inteligência para reduzir os riscos nas tomadas de decisões. 

"Considero a Inteligência Competitiva dentro de uma organização como um eterno processo de aprendizagem que é definido pela competição. Com base em informações de mercado, é possível a otimização da estratégia corporativa em curto e longo prazo. O conhecimento adquirido sobre os concorrentes e o ambiente competitivo garante habilidade às organizações para lidar com a complexidade do ambiente externo", explica.

Segundo Edson Xavier, a grande sacada é justamente apontar caminhos alternativos de sucesso para driblar as dificuldades e vencer a concorrência seja em qualquer área de atuação. Ele ressalta ainda necessidade das empresas de se investir sempre na capacitação dos seus profissionais, para que eles possam estar preparados para as novas demandas de mercado que surgem e se reciclarem através de cursos de atualização. 

Um grande filão para o crescimento do negócio atualmente, segundo o ele são as chamadas mídias sociais. Investir neste segmento é preciso para atender o público-alvo de forma mais atenciosa e agradável pois atualmente as redes sociais são mais usadas que os próprios sites e são primordiais para qualquer empresa. "As redes sociais devem ser utilizadas em cima do foco da empresa. Quem sabe usá-las de forma estratégica pode conseguir resultados surpreendentes e aumentar as vendas de qualquer negócio", garante o especialista.

De olho nessa tendência de mercado, a MPE Treinamento e Consultoria promove no próximo dia 22 de fevereiro, um curso de capacitação voltado justamente para o Marketing nas Mídias Sociais, com a estrategista de Redes Sociais Vanessa Duarte. O curso tem como objetivo principal mostrar o potencial das redes sociais como ferramenta de marketing, relacionamento e vendas e apresentará conceitos gerais, novidades e as ferramentas atuais. Além disso, o curso também abordará discussões sobre planejamentos estratégicos, marketing de conteúdo, monitoramento, publicidade em redes sociais e mensuração de dados. As inscrições podem ser feitas através do site www.mpetc.com e custam R$ 65,00 até o dia 21 de fevereiro.

SERVIÇO
MPE – Consultoria & Treinamento
Rua Dom Carlos Coelho, 64, Boa Vista.
Informações: (81) 3423.2729/ 9 9661.0421/ 9 8491.4473
E-mail: mpetc@mpetc.com

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Chef Lúcia Soares comanda aula nesta terça-feira, 20, às 19h, no Festival Pernambuco Bom de Mesa



Chef Lúcia Soares- Foto Silvana Santos 

A chef Lúcia Soares, da Comedoria & Pizzaria Porto Mix, em Porto de Galinhas, criou um prato especial para o Festival Gastronômico Pernambuco Bom de Mesa, na Praça de Eventos do Shopping Recife. Nesta terça-feira, dia 20, às 19h, ela prepara e serve ao público uma Moqueca de Peixe, Camarão e Taioba com Farofa de Jerimum e arroz de Coco. Quem for assistir a aula espetáculo, será recepcionado pelo especialíssimo caldinho de peixe, batizado pela chef de Viagra. A iguaria afrodisíaca leva peixe, ervas finas e um toque especial, guardado a sete chaves pela chef. 

Chef Lúcia Soares-Foto Silvana Santos

A Comedoria & Pizzaria Porto Mix, localizada em frente às piscinas naturais e comandada pela chef, funciona de domingo a domingo, das 7h às 22h e aceita todos os cartões de crédito e débito. O menu, com 30 opções, conta com pratos individuais, para duas e três pessoas à base de Peixe, frutos do mar, carne e frango. A casa também oferece sobremesas diversas, sorvetes e picolés. Pela manhã é servido um café da manhã com comidas regionais como tapioca, cuscuz, macaxeira com charque, entre outras iguarias. À noite a casa também serve pizzas diversas. 



SERVIÇO: 


Comedoria & Pizzaria Porto Mix, chef Lúcia Soares 

Rua das Piscinas Naturais, s/n, fica em frente às piscinas naturais de Porto de Galinhas 

Telefone: 81 | 3552.1617 

Horário de funcionamento: Domingo à domingo, das 7h às 22h.

quarta-feira, 24 de janeiro de 2018

Festival OpenRua acontece neste sábado com mistura de ritmos e baile de carnaval nos jardins da Casa da Cultura

Muito brilho e fantasias são bem vindos no evento que conta com toda a sua programação gratuita/Fotos Lana Pinho


Um grande baile de carnaval ao ar livre, com blocos líricos, escola de samba, orquestras de frevo, diversas bandas e DJs da cidade é o que promete a próxima edição do Festival OpenRua - Baile de Carnaval, que acontece neste sábado (27), a partir das 16h, pela primeira vez, nos jardins da Casa da Cultura. O evento abre a programação de carnaval do equipamento cultural tem entrada gratuita. 
A iniciativa dos produtores Mozart Santos (Ai Meu Corassaum) e Roger de Renor (Som Na Rural) reune no mesmo palco, os DJs 440 (Terça do Vinil), Allana Marques (Odara e Brega Naite), Sangue No Olho (Eu Me Vingo de Tu No Carnaval), Claudinha Aires (Iraque Beach Club), Pasha (Festa Nocaute) e o residente, Mozaum.

A maratona de 10h de música ainda inclui shows das bandas Los Sarrosos, Demodê e apresentações da Escola de Samba Saberé, do Bloco Lírico Pierrot de São José, das Verdureiras de São José e da Orquestra Michael Douglas.

Este é IV ano do festival OpenRua, que tem como objetivo preencher com música, dança, e arte, espaços inusitados e diversos da cidade. 

Em sua última edição, o evento reuniu cerca de 5 mil pessoas em uma rua em desuso, próximo ao Cais de Santa Rita. Um evento que ficou na memória dos recifenses por ter transformado um lugar considerado assustador, para alguns, em um local ativo e primoroso.

"O capricho transforma ou revela qualquer coisa ou lugar. Eu acredito que o OpenRua nasceu para isso. Mostrar que a cidade é cheia de coisas maravilhosas e que com carinho e boa vontade a gente consegue lapidar lugares e situações para fazermos coisas incríveis", revela Mozart Santos que é artista multimídia e um dos idealizadores do evento.

Esta é a primeira vez que o OpenRua acontece nos jardins da Casa da Cultura, que funcionou como casa de detenção por 118 anos e hoje é espaço turístico que congrega toda produção cultural estado. "Misturar todos esses elementos e coletividade vai ser uma experiência muito valiosa para a cidade, evento e para o público". Conclui o produtor cultural, Roger de Renor. 


Serviço:
Festival OpenRua Baile de Carnaval
Sábado (27), a partir das 16h, na Casa da Cultura - Rua do Cais da Detenção, Santo Antônio. Próximo da Estação Central de Metrô do Recife.
Gratuito
Informações: (81) 9 7100.2001

terça-feira, 23 de janeiro de 2018

Número de empresas abertas em Pernambuco cresce 15%

Junta Comercial de Pernambuco | Foto Divulgação


No ano de 2017, o total de empresas abertas em Pernambuco foi de 69.405, contra 60.122 em 2016, o que representa um crescimento de 15,4%, segundo dados da Junta Comercial de Pernambuco. Excluindo os Microempreendedores Individuais (MEIs), o número de registros de empresas foi de 17.658, número 11% maior do que as 15.910 empresas registradas no ano anterior. Já o número de registros de MEIs durante o ano passou de 44.212 em 2016, para 51.747 em 2017, uma alta de 17%. 

"Estes números mostram que a economia do Estado está em recuperação. Isso também pode ser verificado no número de fechamento de empresas, que teve uma queda significativa, passando de 24.083 em 2016, para 18.471 em 2017, o que representa uma redução de -23,3% no número de baixas", afirmou a presidente da Jucepe, Taciana Bravo. 

No geral, Pernambuco terminou 2017 com um total 527.508 empresas em atividade. No final de 2016 esse número era de 459.521. A variação foi de + 14,7%. 



Os municípios que mais abriram empresas foram Recife (18.993), Jaboatão dos Guararapes (5.726), Petrolina (3.988), Olinda (3.944) e Caruaru (3.885). As atividades empresariais mais registradas foram Comércio de vestuário, Mercearias, Comércio de cosméticos, Lanchonetes, Restaurantes, Construção de edifícios e Comércio de bebidas.


segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Usina de etanol aquece mercado consumidor baiano e de vários outros estados nordestinos




Ao longo dos últimos 37 anos, a Bahia consolidou uma das maiores redes de produção de etanol do Nordeste. A Agrovale, maior empresa produtora de açúcar, álcool e energia no estado, teve papel importante nessa história. Com ela, a produção sucroalcooleira se expandiu para cidades do interior baiano, como Juazeiro, que fechou o ano de 2017 com a marca de 48 milhões de litros de etanol.


FotosClas Comunicação - Divulgação
A destilaria tem capacidade para produzir ainda mais, cerca de 80 milhões de litros. Para a próxima safra serão investidos R$ 5 milhões visando o aumento da produtividade. Comercializando para mercados como os estados de Pernambuco, Ceará, Piauí e Alagoas, a Agrovale tem na Bahia seu mercado consumidor mais forte. Em média, esse estado absorve 1 bilhão de litros de álcool anidro (usado para combustível), uma demanda alta e que o leva a importar de outras regiões.

O diretor Financeiro e TI da Agrovale, Guilherme Colaço Filho, explica que a usina tem buscado aumentar a oferta do etanol justamente para atender a procura. "É uma vantagem para a Bahia, uma vez que diminui a dependência do álcool oriundo de outros estados". Por ser obtido da cana-de-açúcar, o etanol é considerado um produto renovável, ou seja, não esgota, além de emitir menos gases poluentes na atmosfera, o que lhe dá a condição de combustível sustentável. "O etanol pode ser produzido diretamente da cana, e também dos resíduos do açúcar, um processo que passa pela moenda, destilação, fermentação, vaporização, até se tornar o produto que usamos nos postos de combustíveis", pontua Colaço.

Outro benefício da produção do etanol no estado, e particularmente em Juazeiro, está no investimento em tecnologias. Nos últimos cinco anos, a Agrovale investiu em um conjunto de aparelhos para produção de álcool anidro hidratado, centrífugas de fermento, além de ter construído dornas para fermentação do derivado da cana.

"São tecnologias limpas, que necessitam de vários profissionais especializados, seja na operacionalização, manutenção ou testes, o que nos ajudou a alcançar a excelência nacional", destaca o gerente de produção industrial da usina, Marcelo Maia. A afirmação do gerente é baseada na Agência Nacional do Petróleo (ANP), que atestou a qualidade do etanol produzido pela empresa.